"3 pontinhos não é limite pra gente"



A gente briga na segunda, na quarta está tudo bem. Você me chama de louca e eu te chamo de meu bem. A gente é assim, ama o céu, vive de idas e vindas, finge que se odeia até o ponto que as pessoas pensem que acabou mesmo, dessa vez foi o fim. Mas não importa quantos pontos finais existir por aí,  a gente sempre recomeça, o amor desfaz os nós de saudade e a gente se desmancha, se ama, briga, chora, escreve a nossa história errada mesmo, colocamos pontos finais, no lugar de três pontinhos, porque três pontinhos não é limite pra gente, porque a gente nem gosta de limite, por isso que o céu nos representa, lá é um infinito, feito eu e você.


Bruna Laryane

"Você é o cara"



Era pra ter sido apenas um beijo ou dois em uma noite qualquer, mas avançamos o sinal, dispensamos o geralmente e fomos em frente, sem medo. Era pra você ter sido só um cara qualquer desses que não ligam no dia seguinte e eu estava preparada para você não ligar, para você nem lembrar que eu existia. Mas você decidiu ser o cara que os meus pais adoram, o cara que me olha como se quisesse desvendar um segredo, o cara que me abraça e eu esqueço do mundo. Você preferiu ser o cara que fica ao invés de ir embora, você quis ser o meu cara. Você diz que o meu coração é um bom lugar para se morar, que ironia, você o invadio, arrumou a bagunça e colocou ordem na casa, e eu te tranquei aí e joguei as chaves fora, para nunca ter que ver você ir embora. Você transformou uma noite qualquer no resto das nossas vidas. Você é o cara.

Bruna Laryane

Me promete que vai ser diferente que eu não desisto de você.



Eu insisto no amor, sempre insistir, por isso que muitas vezes me encontrei em prantos com o meu coração partido e quando isso acontece a gente congela, congela os sentimentos que poderiam aflorar, que poderiam crescer. Me promete que vai ser diferente que eu não desisto de você, diz que vai me trazer ao menos um pouquinho de felicidade que eu insisto em você. Eu não tenho medo de me apaixonar, não tenho medo de querer alguém e  mostrar isso, mas ultimamente eu tenho tido mais cuidado. Dizem que um novo amor é como um remédio pro coração, então eu quero amar, eu só preciso ser forte o bastante para encarar o meu coração, porque ele sempre diz; outro amor? Cuidado menina! Se eu disser que agora vai ser diferente ele vai rir de mim, então eu quero que você mesmo diga pra ele, me abraça forte, deixa o tempo parar, então diz devagar; agora vai ser diferente.


Bruna Laryane

O amor é muito mais do que eu possa chamar de amor.



Quer saber? Você estava certo quando disse que não nascemos um pro outro, porque ninguém nasce para ninguém, mas também não é errado dizer que eu nasci para você, porque quando a gente combina com alguém, gosta das mesmas coisas, tem aquela sintonia louca de se entender com um simples olhar, aquele alguém que a gente abraça e tem certeza que o tempo para, aquele alguém que a gente conta os nossos segredos e fala dos nossos sonhos sem medo. Aquela pessoa rara que vez ou outra entra na nossa vida para somar coisas boas, sentimentos bons, beijos em meio aos lençóis, olhares de cumplicidade e amor. É tão raro você se sentir amada por alguém que é realmente como se tivesse nascido para gente, não necessariamente você nasceu pra mim, mas nasceu para me fazer entender que o amor é muito mais do que eu posso chamar de amor.


Bruna Laryane

Agora, realmente acabou!




Desde quando terminamos tudo que é relacionado a você vai me arruinando aos poucos. As pessoas querem saber o motivo, mas elas não vêem que ouvir o seu nome parte o meu coração. Você diz que não sabe onde errou, que só queria me fazer feliz, mas eu não te entendo. Porque você não me mandou flores com cartões apaixonados quando estávamos juntos? Agora você diz para todo mundo que sou seu amor, mas de uns tempos para cá, não sentia mas que você me amava, eu tinha a impressão que estava incomodando, por isso eu partir, partir da sua vida e não seu coração como você diz por aí.  Porque você não me levou para jantar naquele restaurante a luz de velas que eu tanto apreciava do lado de fora? Você não sabe o quanto eu queria estar com você ali. Mas agora? Agora que eu estou tentando seguir em frente sem você? Agora eu posso ir sozinha. Lembra aquele dia que tudo que eu queria era te abraçar, mas você preferiu seus amigos e eu disse "tudo bem" é claro que eu diria, mas eu me tranquei no meu quarto e chorei e desde esse dia eu terminei com você, só estava tentando encontrar um jeito de te dizer, e eu disse, e agora preciso te dizer de novo, que realmente acabou.


Bruna Laryane

Raridade



No mundo de hoje o amor é feito de mentiras, de traições, de sorrisos superficiais e de "eu te amo" da boca pra fora. As pessoas ficam juntas por motivos banais, mas raramente por amor. Quando nos deparamos com aquele casal que riem um do outro andando de mãos dadas na rua, são discretos, bonitos e transparecem uma felicidade tão sincera que para nós aquilo é perfeito sabe por que? Porque viver de aparências hoje em dia é comum,  mas não existe casal perfeito. Eles brigam vez ou outra, até gritam um com o outro, eles vão, eles voltam, eles choram, tem vontade de ir embora e jogar tudo pro ar.  Eles tem altos e baixos igual a qualquer outro casal. Mas as suas atitudes gritam "eu te amo" seus olhos exalam cumplicidade, pouco importa o que ambos carregam no bolso, mas sim o que carregam no coração. Perfeito não é palavra certa, a palavra certa é raridade, hoje em dia duas pessoas estarem juntas e se amarem de verdade é raro, tão raro que todos em volta consideram perfeitos.


Bruna Laryane

Se trata de detalhes!



Não se trata de todas as cores do mundo, dos lugares mais lindos e anéis de brilhante. Não se trata de jantares a luz de velas, de presentes com preços exorbitantes, de copos cheios e drinques em meio ao silêncio dos nossos olhares, se trata de nós dois. Se trata de como você tira a minha roupa para a gente fazer amor, se trata de você me abraçar e fazer com que eu me sinta acolhida, protegida, amada. Se trata de como você olha para mim e sorri, assim do nada, quando eu menos espero, mordendo minha caneta enquanto eu escrevo, percebo seu olhar e você não sabe como eu amo isso, sabe, saber que  alguém nos aprecia. Se trata dos detalhes, do bilhete de bom dia na mesinha ao lado da cama. Se trata do que somos quando estamos juntos, nada  mais importa, todo o resto é mero detalhe, porque se trata do que você acende em mim, da paz que você me dar e da felicidade que você transforma a minha vida.

Bruna Laryane

Eu gosto do amor!



Eu gosto do amor sabe, eu gosto de amar, deve ser por isso que me afogo nas minhas próprias ilusões. Geralmente as pessoas querem distância do amor, elas sempre dizem que o amor as machuca, mas eu não acho que o amor machuca ao ponto de alguém querer correr a milhas de distância. O que machuca são como as pessoas amam. Como alguém pode dizer "eu te amo" sem amar? Acho que isso é o que mais magoa as pessoas, porque é tão mágico sentir - se amada, a gente vive mais feliz, com a alta estima nas nuvens e com um sorriso no rosto o tempo inteiro e de repente alguém tira isso de nós, é doloroso, é cruel. Saber que alguém mentiu para gente faz parte da nossa vida, a gente sabe seguir em frente, mas saber que alguém disse que nos amava sem amar, é como puxar um tapete colorido cheio de felicidade bem de baixo dos nossos pés, é tirar nossa pontinha de esperança que exista alguém que nos ame sem segundas intenções, sem segredos e como somos. É por isso que os corações se partem, porque as pessoas os alimentam de mentiras, quando na verdade eles só precisam de amor.

Bruna Laryane

Mãe não precisa ser somente mãe.




Estou exausta. Percebi que uma mãe só pode ser mãe, não pode ter sonhos, não pode tirar foto mostrando a barriga, uma parte do corpo que ela ama, pelo simples fato dela ser mãe. Ela não pode usar roupas curtas se não ela é vulgar, deixa de ser mãe, deixa de amar os filhos. Ela não pode sair com as amigas, não pode beber, se não é feio, porque ela é mãe. Ela não pode dançar, até o chão? Nem pensar, vulgar! Isso não é coisa de mãe. Ela não pode escrever qualquer coisa em suas redes sociais, tem que pensar nos filhos. Ela não pode comer qualquer coisa se não engorda e nossa, como ela se estragou depois dos filhos. Ela tem que comer, está pele e osso, nossa como ela se estragou depois dos filhos. Mãe não pode pensar nela, não pode passar um dia de preguiça na cama enquanto os filhos estão com a avó se não... Coitada daquelas crianças, sendo criadas pela avó, que mãe horrível. Eu percebi que quando uma mulher se torna mãe ela deixa de ser mulher, quer dizer... Ela tem que deixar de ser mulher porque é mãe. Ela tem que deixar de se amar e ser achar bonita, tem que jogar fora todos os shortinhos curtos, porque é mãe. Nas redes sociais só pode postar foto dos filhos,  nada mais. Alô! Tem alguém aqui dentro sabia? Eu sou mãe, mas também quero sair, quero usar shortinho porque me sinto bem, o que é que tem beber? Vez ou outra encher a cara não tira de mim o título de mãe sabia? Eu sou mãe mas meus sonhos não morreram no dia que meu filho nasceu, muito pelo contrário ganhou força. Eu sou mãe, mas também sou mulher, sou um ser humano, sou alguém cheio de sentimentos. Quando  meu filho nasceu eu renasci, eu não morri, eu sou mãe, mas continuo sendo mulher, apenas mais forte, mais corajosa e mais determinada.


Bruna Laryane...

As pessoas mais tristes, são as que querem ser tristes



As pessoas mais tristes são as que querem ser tristes, está duvidando? Quando uma mulher aceita traição por traição, suporta um companheiro grosso e insensível, vive em uma rotina de angústias e decepções e no final de tudo ela diz mais uma vez pra si mesma " tá tudo bem, ele vai mudar" essa é uma pessoa que é triste porque quer. Ela é quem tem que mudar, e não esperar por milagres, isso é ilusão. Ela precisa entender que existe um mundo bonito lá fora com outros seres humanos, e que talvez, um desses seres humanos possa ama - lá como ela é. Quando a gente força um amor para que seja nosso de todo jeito, ele quebra e quando ele quebra  já era, acabou. O melhor é aceitar que acabou e seguir em frente, o mundo é grande e em cada esquina existe o risco de nos apaixonar.


Bruna Laryane